css3 menu generator by Css3Menu.com

 
 
Ex-prefeito de Apiacá é processado por superfaturamento em obras
 
Publicado em 30/11/2017 20h26min
 
 

O juiz da Vara Única de Apiacá, Evandro Coelho, decidiu acatar ação de improbidade administrativa movida pelo Ministério Público Estadual (MPES) contra o ex-prefeito, Humberto Alves de Souza, o “Betinho” (PRP), por superfaturamento em obras. As empresas contratadas para executar os serviços também foram denunciadas.

g_betinho-obras-2

Na ação nº 0000136-90.2017.8.08.0005, MPES sustenta que houve superfaturamento nas obras de ampliação da capela mortuária e na construção da praça do distrito de José Carlos (Iuru).

No caso da capela, segundo o atual prefeito, Fabrício Thebaldi (PP), as obras sequer foram concluídas e estão interditadas pela justiça. “As pessoas ou são veladas em um clube da cidade, ou na casa de familiares. Estamos aguardando a determinação da justiça para concluir essa obra”, disse Thebaldi.

g_betinho-obras-3

As empresas foram contratadas por R$ 327 mil, mas uma perícia realizada pelo órgão ministerial revelou que o gasto real para as construções não passou de R$ 30 mil.

No dia 12 de abril deste ano, o magistrado, por meio de liminar, decretou a indisponibilidade dos bens dos envolvidos no valor de R$ 50 mil sob alegação da existência de indícios de lesão aos cofres públicos.

Uma audiência especial com os envolvidos foi designada para o próximo dia 5, às 10h30, no Fórum Desembargador José Fortunato Ribeiro.

g_betinho-obras-4

g_betinho-obras-5 gallery a lightboxby VisualLightBox.com v6.1

 
Aqui Notícias  
 
 
# Leia também
 
TV ABCapixaba
 
TV ABCapixaba
 
TV ABCapixaba